icn-close
icn-phone
(+351) 289 315 235
geral@jf-quarteira.pt
icn-fb
Facebook
HOME

Quase um milhão de euros para obras prioritárias

2019-05-28

A requalificação da entrada da cidade e de duas rotundas, a par da construção do novo edifício comunitário da Freguesia são projetos contemplados no contrato interadministrativo para 2019/2021.

“A concretização destas três obras corresponde a uma grande vitória do nosso executivo, pois é o primeiro passo para reforçar a autonomia que a Junta tem vindo a conquistar”, sustenta o Presidente da Junta de Freguesia (JF) de Quarteira, Telmo Pinto, para sublinhar ser esta a primeira vez que se verifica a transferência de verbas para a execução de obras sob a inteira responsabilidade desta autarquia.

“Esta transferência de competências só é possível devido à confiança que a Câmara deposita no nosso trabalho e à capacidade técnica que conseguimos reunir ao longo destes cinco anos”, frisa o autarca, para acrescentar que o lançamento das empreitadas aprovadas no âmbito do contrato interadministrativo de delegação de competências 2018/2021 da Câmara Municipal de Loulé na JF de Quarteira, será anunciado em breve.

Realçando a importância dos três projetos para a melhoria do nível de vida dos cidadãos, Telmo Pinto faz questão de destacar a componente cultural associada à requalificação das rotundas da Fonte Santa e da Quinta do Romão, onde serão instalados elementos alusivos a tradições locais como é o caso da armação de pesca.

“Trata-se de uma intervenção extremamente importante, pois permitirá requalificar zonas fulcrais da cidade, contribuindo para a valorização do ambiente, da identidade e da imagem de Quarteira”, considera ainda o Presidente da Junta.

Junta assume gestão do auditório
Ao todo são cerca de 973 mil euros, a ser transferidos até dezembro de 2021 para a Junta. À empreitada prevista para as duas rotundas, no valor de 37 874,00 euros, juntam-se as obras de requalificação da entrada da cidade com ligação atrás do cemitério (235 080,00 euros) e a construção do novo edifício para espaço social e comunitário da Freguesia, com um custo estimado de 700,00 euros.
Consideradas obras de prioridade do Município de Loulé, cabe à Junta garantir a sua execução, fiscalização e segurança pois, para além do apoio financeiro, a CM de Loulé presta ainda o apoio técnico previsto na delegação de competências.

O orçamento para 2019 incluiu ainda uma verba de 41 mil euros para a gestão e manutenção do auditório do Centro Autárquico de Quarteira, que passaram também para as mãos da JF no âmbito do mesmo contrato interadministrativo em vigor até 2021.

“É uma alteração que faz todo o sentido, já que o auditório se encontra no edifício do Centro Autárquico e praticamente todas as atividades que se desenvolvem anualmente neste espaço são promovidas por nós ou pela sociedade civil em parceria com a Junta”, sustenta o Presidente da JF de Quarteira.

© TOPPING CREATIVE STUDIO